Garrote

Nomes comuns

Tatajuba, Bagaceira, Amaparana

Bagassa guianensis Aubl.
seta Produtos relacionados

Características: madeira de cor amarelada a marrom dourado. Pode ser encontrada na região Amazônica, principalmente nos estados do Acre, Rondônia, Amazonas, Pará e Maranhão. Sua altura varia entre 15 e 30 metros. Floresce de abril a agosto e os seus frutos amadurecem de setembro a fevereiro. Um kilo de sementes contém 400.000 unidades.

Para que serve? É utilizada em construções pesadas, por exemplo, na produção de cruzetas, dormentes, defensas. Também em vigas, caibros e ripas, esquadrias, marcos de portas e janelas, rodapés, assoalho e tacos, lâminas decorativas, construção naval, cabos de ferramentas e móveis.

Trabalhabilidade: fácil de ser trabalhada com todas as ferramentas manuais ou mecânicas produzindo uma superfície uniforme após o acabamento

Onde é colhido?

  • Acre
  • Alagoas
  • Amazonas
  • Amapá
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Minas Gerais
  • Mato Grosso do Sul
  • Mato Grosso
  • Pará
  • Paraíba
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Paraná
  • Rio de Janeiro
  • Rio Grande do Norte
  • Rondônia
  • Roraima
  • Rio Grande do Sul
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
  • Propriedades mecânicas Verde Seca
  • Densidade básica (kg/m3) 700
  • Compressão paralela (kgf/cm²) 572 801
  • MOE (kgf/cm²) 115.000 118.000
  • MOR (kgf/cm²) 1067 1269
  • Cisalhamento (kgf/cm) 120 128
  • Dureza Janka paralela (kgf) 830 1007
  • Tração perpendicular (kgf/cm²) 74 53
  • Fendillhamento (kgf/cm)

FONTES: Banco de Dados de Madeiras Brasileiras do IBAMA, IPT, Livro Árvores Brasileiras, de Harri Lorenzi, volumes 1 e 2.

FOTOS: Laboratório de Madeiras e Produtos Derivados/IPT.

Compartilhe

Outras redes sociais